Publicado em

Maximo Boschi: vinho brasileiro de guarda

dsc_0902
Daniel e Renato. Acervo: Maximo Boschi

A Vinícola Maximo Boschi, localizada no Vale dos Vinhedos, em Bento Gonçalves, traz uma das mais diferenciadas propostas entre os produtores de vinho brasileiro: elaborar e levar à nossa taça vinhos de guarda de altíssima qualidade. A história se inicia com o tradicional DNA italiano que carrega vinho em seu sangue! Assim, Renato Antônio Savaris, neto da família, se fez enólogo e depois sócio-fundador da vinícola Maximo Boschi, a partir do fruto do sonho de seu avô em elaborar os próprios vinhos.

 

dsc_0930
Vinhedos Maximo Boschi. Acervo da vinícola

Renato Antônio Savaris e Daniel Dalla Valle – dois enólogos apaixonados pelos vinhos de guarda elaborados no velho continente – plantaram suas uvas e, no ano de 2000, houve a primeira colheita da vinícola, com uvas em plena maturação. Como o projeto consistia em elaborar vinhos de guarda, com estas uvas especialmente maturadas, o vinho desta vindima começou a ser comercializado apenas no ano de 2005, quando a trajetória comercial da vinícola iniciou.
Inicialmente, Daniel e Renato elaboravam apenas vinhos tranquilos, hoje a linha conta com espumantes de alta gama, com períodos entre 12 e 36 meses de maturação e vinhos que são comercializados, em média, após 10 anos da colheita das uvas que o elaboraram. A arte e o encantamento, juntamente com a dedicação para o cultivo de uvas ideais, guiam a Vinícola Maximo Boschi e seus autores na elaboração de vinhos brasileiros longevos.

gil_2944A vinícola conta com 60% de uvas de produção própria. São em torno de seis hectares plantados em Bento Gonçalves, divididos entre as uvas Merlot, Chardonnay, Pinot Noir e Riesling Itálico. Os 40% restantes são produzidos por produtores parceiros assistenciados pela vinícola, das regiões da Campanha Gaúcha, Serra do Sudeste e Campos de Cima da Serra. Dentre as uvas adquiridas dos produtores encontram-se as variedades Cabernet Sauvignon, Merlot e Chardonnay. Os vinhos de guarda da vinícola são elaborados exatamente com as uvas da Campanha Gaúcha e pequenas quantidades de Campos de Cima da Serra, adquirida junto a produtores parceiros.

Atualmente a vinícola conta com duas linhas: Maximo Boschi, que carrega a essência da vinícola em elaborar vinhos e espumantes de guarda; e Boschi, vinhos que buscam expressar o terroir da Serra Gaúcha de maneira purista – vinhos sem o uso de carvalho e
espumantes mais jovens e refrescantes. São três rótulos de vinhos e três de espumantes na linha Maximo Boschi e três rótulos de espumantes e um de vinho na linha Boschi.

A vinícola conta com um espaço no Vale dos Vinhedos – Bento Gonçalves, dedicado apenas a elaboração e expedição dos produtos. Apesar de não contar com espaço turístico, pode-se visitar a empresa mediante agendamento via canais de contato disponíveis no site da vinícola (www.maximoboschi.com.br).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *