Publicado em

Bolhas para refrescar: boas pro corpo e pro bolso

Depois de se esbaldar no Natal e no Ano Novo, seria incrível se pudéssemos fazer como os nossos amigos do hemisfério norte: esconder nossos excessos por baixo de casacos e sobretudos. Aqui no Brasil (olha que loucura!),  depois das festas, pernis, rabanadas, panetones, é hora de tirar os biquínis e sungas do armário e por pra fora o nosso corpinho num solzão de matar!

Não que estejamos aqui cultuando o corpo perfeito e a ditadura da beleza, mas todos nós gostamos de nos sentir bem e, principalmente, leves e saudáveis. Por isso, para não ganhar (mais) quilinhos neste verão, sem deixar de se hidratar e se refrescar, uma ótima opção é trocar bebidas supercalóricas pelas bolhas dos espumantes brasileiros.

Combinados com comidas leves como peixe, com seu teor calórico baixo, o espumante faz bem pro pulmão, coração, pressão e ajuda a manter o peso. Em doses moderadas, tá, gente?

Nossa, mas e a taxa de importação? E o dólar altíssimo? E a crise? E o Trump??? A boa notícia é que o Brasil é referencia mundial em qualidade dos espumantes. Rótulos nacionais dão de mil em muitos espumantes impronunciáveis, tanto no sabor, quanto no valor.

Assim como as praias, espumante brasileiro não tem igual.

Dicas RED:

Araucaria Poty Brut
Espumante método tradicional POTY – Araucária PR
Rio Sol Rose
Espumante Rosé Brut – Rio Sol PE
Angus Extra Brut
Espumante extra brut – Guatambu RS